Resenha| Vida e Morte do Rei João

john

Título: Vida e Morte do Rei João

Autor: William Shakespeare

Editora: Ebooks Brasil

nº de pgs: 133

Sinopse: Rei João (no original em inglês, King John) é um drama histórico de William Shakespeare que mostra a trajetória deste monarca na guerra contra a França e a Igreja Católica.

Fala galera! Sei que andei um pouco sumida, foi por conta da especialização entre outras coisinhas. Mas o que importa é que as resenhas voltaram e dessa vez vou falar do Rei João Sem-Terra, personagem principal de mais um peça histórica de Shakespeare, um monarca improvável que entrou em guerra contra a França, a Igreja Católica e seus próprios súditos.

Continuar lendo

o_imperador_das_laminas_1446989005535524sk1446989005b

Título: O Imperador das Lâminas

Autor: Brian Staveley

Editora: Novo Século

Série: As Crônicas do Trono de Pedra Bruta – 01

nº de pgs: 544

Sinopse: SABEDORIA E VIOLÊNCIA ANDAM LADO A LADO NESTA JORNADA
O Império Annuriano está em crise. O Imperador foi misteriosamente assassinado, e o trono, assim como seus herdeiros, se encontra ameaçado por uma conspiração.
Kaden, herdeiro do trono, prossegue com sua vida de estudos num austero e rígido mosteiro. Ele testa os limites de seu corpo e de sua mente a cada castigo, a cada teste. O alcance do Vazio só é possível quando o abandono da dor se vai.
Adare, ministra das Finanças, está num covil, silenciosa como uma estátua; tem entre seus pares um assassino, um traidor sorrateiro que sangrou o bem mais precioso de sua vida: seu pai, o Imperador.
Valyn é um kettral, soldado de um exército que habita uma ilha remota e possui um código de honra implacável. Treinado para matar sem hesitar, rápido e brutal como a lâmina que carrega em sua cintura, deve sobreviver ao mortal Julgamento de Hull.
Esses três irmãos, ainda que distantes uns dos outros, precisam unir forças para resgatar o Império e livrá-lo daqueles que o traíram.
Num lugar em que o tempo nem pensava em existir, há segredos mitológicos ocultos, que podem mudar o destino de todos. Asas e espadas te levarão ao campo de batalha!

Três irmãos em uma teia de assassinatos, traições, mistério, monstros e magia. Parece uma história boa, não é mesmo?

Continuar lendo

Resenha| O Assassinato de Roger Ackroyd

medium_997

Título: O Assassinato de Roger Ackroyd

Autora: Agatha Christie

Editora: Globo Livros

n de pgs: 308

Sinopse: Em uma noite de setembro, o milionário Roger Ackroyd é encontrado morto, esfaqueado com uma adaga tunisiana – objeto raro de sua coleção particular – no quarto da mansão Fernly Park na pacata vila de King’s Abbott. A morte do fidalgo industrial é a terceira de uma misteriosa sequência de crimes, iniciada com a de Ashley Ferrars, que pode ter sido causada ou por uma ingestão acidental de soníferos ou envenenamento articulado por sua esposa – esta, aliás, completa a sequência de mortes, num provável suicídio.
Os três crimes em série chamam a atenção da velha Caroline Sheppard, irmã do dr. Sheppard, médico da cidade e narrador da história. Suspeitando de que haja uma relação entre as mortes, dada a proximidade de mrs. Ferrars com o também viúvo Roger Ackroyd, Caroline pede a ajuda do então aposentado detetive belga Hercule Poirot, que passava suas merecidas férias na vila.
Ameaças, chantagens, vícios, heranças, obsessões amorosas e uma carta reveladora deixada por miss Ferrars compõem o cenário desta surpreendente trama, cujo transcorrer elenca novos suspeitos a todo instante, exigindo a habitual perspicácia do detetive Poirot em seu retorno ao mundo das investigações. O assassinato de Roger Ackroyd é um dos mais famosos romances policiais da rainha do crime.

Imagino Agatha Christie sentada em uma varanda, bebendo chá e rindo internamente ao pensar na cara dos leitores ao terminarem de ler essa história.

Continuar lendo

Resenha| Tróilo e Créssida

troilo-e-cressida-1419158579-184x273

Título: Tróilo e Créssida

Autor: William Shakespeare

Editora: Lacerda

Comédia

nº de pgs: 202

Sinopse: Durante a guerra de Tróia, o príncipe Tróilo se apaixona pela bela Créssida e conta com a ajuda do tio dela para conquistá-la. Os dois não contavam, porém, com as manipulações de reis e generais para ganhar a guerra.

“Que todos os homens constantes sejam Tróilos; as mulheres falsas, Créssidas, e, todos os alcoiteiros, Pândaros. Dizei Amém.”

Ato III, cena II

Uma peça bastante complicada. Para entender o porquê clica em continuar lendo.

Continuar lendo